O Encontro da Loba Má e do Lobo Mau na floresta Brasil

Padrão

Neste período eleitoral, publico aqui uma história para nós refletirmos um pouco…

O Encontro da Loba Má e do Lobo Mau na floresta Brasil

Um dia, na floresta Brasil, saíram de suas tocas dois lobos. Os dois eram maus, mas um era mais mau do que o outro. Os dois viviam famintos de poder, queriam estabelecer seus territórios.

Então foram falar ao lobo chefe da alcatéia que queriam eleições e votos para os animais da floresta Brasil escolherem quem deveria ser o próximo chefe.

Quando os animais da floresta souberam que os únicos candidatos eram apenas estes dois, foram reclamar ao lobo chefe que seria muito ruim para a floresta Brasil se um deles vencesse.

O lobo chefe disse:

- Vocês não têm opção, têm que escolher um deles, eu quero que escolham a Loba Má.

Os animais da floresta nada disseram, tinham medo do Lobo chefe, pois sabiam que ele tinha cara de lobo bonzinho, mas era o pior de todos os lobos. Competia em dissimulação e maldade apenas com os lobos da floresta da Venezuela, floresta da Bolívia, floresta de Cuba, floresta da China, floresta da Coréia do Norte, floresta do Vietnã, e floresta de Laos.

- Os animais então foram procurar um sábio, mas não encontraram nenhum entre os lobos, então foram falar com a Senhora Águia:

- Boa tarde, Senhora Águia.

- Boa tarde. Já estou sabendo do risco que toda a floresta corre. O que vocês querem?

- Queremos saber o que fazer, pois somos obrigados a votar em dois lobos maus. Os dois são maus. Em quem devemos votar?

- A Senhora Águia respondeu:

- Quando alguém se vê entre dois males e é obrigada a escolher um, então ela deve escolher o menor mau. Vocês devem escolher o menor mau, depois disso, quando acabar o tempo dele, façam por onde. Depois, um bom governante governará na floresta Brasil.

Os lobos voltaram, chegaram à noite, foram dormir. Quando o dia amanheceu, eles escutaram dona Loba Má conversando com seu Lobo Mau.

- Bom dia, dona Loba Má, como vai a senhora?

- Eu vou muito bem seu Lobo Mau, e o senhor?

- Ótimo, me sinto bem, vou ganhar a eleição.

- Que nada, quem vai ganhar sou eu.

- Eu tenho certeza que nada me tira essa eleição, nem Deus.

- Mas como vai ganhar se usamos a mesma tática.

- Porque eu sei usar a tática melhor do que você. Meus lobos assessores são melhores do que os seus nesta tática, juntos temos experiência de muitos anos. Não chegamos aonde chegamos por acaso.

- Eu também cheguei aonde cheguei assim como você.

- Você é um boboca. Dê licença ou não dê, tenho de ir, estou atrasada, alunos e professores estão me esperando para a festa de todos os meus dias na faculdade LOBAL. Vou ouvir mais uma vez a minha saudação pessoal de professora de uns alunos e de outros professores. É uma festa só.

- Festa de todos os seus dias? Que dias são estes? Que saudação pessoal é esta? De quem você é professora e de quem você é aluna?

- Não posso dizer. Até mais.

Dona Loba Má se dirige a sua festa de todos os seus dias e recebe como gosta, sua saudação pessoal, de todos os seus alunos e de todos os seus professores de todos os seus dias.

Seja bem vinda! Parabéns! Feliz seja no seu dia que são todos os seus dias. Que também é nosso dia.

FELIZ DIA DA MENTIRA!!! Mentira de ontem! Mentira de hoje! Mentira de amanhã! Parabéns!!!

- Obrigada! Obrigada!!!

- Professora! Qual é a aula de hoje?

- Queridos alunos lobos, a aula de hoje tem como tema: MENTIR E DEPOIS NEGAR A MENTIRA. E por lema: DIZER UMA COISA E DEPOIS DIZER OUTRA.

- Mas, professora, se os lobos e demais animais da floresta descobrirem que estamos mentindo para enganá-los?

- Fácil! Olhamos sério. Fazemos cara de lobos bons e honestos e dizemos a verdade que os lobos e animais querem ouvir com a nossa mentira.

- Ah!!!!

- Lembrem-se! Uma vez na mentira se continua nela até que acreditem.

- Não devemos dizer a verdade nunca?

- Para nós, isso é impossível, a mentira é nosso instrumento de trabalho. Para nosso regime, a mentira, a dissimulação, é uma ideologia política, com a qual pretendemos promover o estabelecimento da estrutura sócio-econômica de uma sociedade igualitária, sem classes, sem estado, sem pátria, fundamentada na propriedade comum, onde ninguém tem nada, tudo é do governo. Desse modo, controlaremos os meios de produção e a propriedade em geral. Nosso grande camarada, Karl Marx, desejou e afirmou que o comunismo seria a fase final na sociedade humana, segundo esse nosso deus humano, tal objetivo só pode ser alcançado através de uma revolução proletária.

- Companheira professora. Como faremos isso?

- Faremos o povão pobre e ignorante pensar que o comunismo é bom, que a palavra comunista quer dizer, ‘tudo em comum’. Que o socialismo/comunista oferece uma alternativa para os problemas da pobreza, da economia de mercado, que é uma política melhor do que a política capitalista. Diremos que o nacionalismo gera imperialismo. E que para destruir esse mal da sociedade a única maneira é pela classe trabalhadora, a qual chamamos de proletariado, que, segundo Marx, são os principais produtores de riqueza na sociedade e são explorados pelos capitalistas da classe dominante. Estes são os burgueses exploradores do povo. Por serem exploradores dos pobres devem ser presos, ter suas empresas e seus bens confiscados, devem ser eliminados para os pobres receberem a riqueza, dinheiro, propriedades, empresas, que era deles, somente assim existirá uma sociedade livre, sem classes ou divisões raciais.

- Companheira professora os lobos e demais animais acreditaram que nosso regime comunista é o melhor para a floresta Brasil?

- Depende de como nós lobos os enganarmos. Eles precisam ser convencidos por nós, que a forma dominantes do comunismo é o melhor para a floresta Brasil, pois só assim todos terão seus direitos lobais preservados. Faremos todos crerem que o melhor é o comunismo, para isso mudaremos a historia, apagaremos registros, destruiremos documentos das ações de nossos camaradas comunistas na historia do mundo. Diremos que o que dizem de negativo e ruim contra o comunismo é mentira e calunia.

- Que faremos com aqueles que não se calam?

- Ameaçaremos de processo quem nos contradizer. Diremos que o comunismo como ficou registrado na história sobre tortura, assassinatos, mortes, genocídios, abuso de comando de companheiros autoritários e coercitivos envolvidos principalmente com a preservação de seu próprio poder, sem preocupação de fundo para o bem-estar do proletariado é mentira no mundo moderno de hoje, diremos que isso é coisa do passado, que o comunismo de hoje não é como foi, que o comunismo acabou, que queremos a democracia, mas nós, só nós sabemos que nossas idéias e princípios originais continuam firmes e mais fortes do que antes.

- Companheira professora. Como trabalhamos na implantação do socialismo/comunismo hoje?

- Hoje trabalhamos no mundo para realizar o sonho de Karl Marx que é também nosso sonho, e implantar o comunismo nos países de modo pacífico, usando como arma paciência e inteligência, mentira e suborno, corrupção e injustiça, perseguição e calúnia, confusão e falsidade. Diremos ao povo o que ele quer ouvir: que estamos à procura de construir um país sem desigualdades sociais, sem diferença entre ricos e pobres, um pais com moradia, hospitais, educação, transporte, para todos. Um país com liberdade de imprensa, comércio e apoio aos novos empresários do mundo comunista. Diremos que todos terão direitos iguais. Diremos que as decisões do país serão tomadas de modo democrático permitindo assim que os brasileiros façam parte dos processos decisórios na esfera política e econômica do Brasil.

- Companheira professora! É assim mesmo?

- É isso o que diremos, mas não é isso o que faremos.

- Então o que faremos?

- Faremos como fizeram nossos antepassados, uma vez de posse do poder total, iremos reorganizar, reestruturar a sociedade no modelo comunista.

- Companheira professora, ontem a companheira falou sobre a engenharia de reestruturação social. Pode nos falar mais um pouco sobre reestruturação social?

- Pois não, companheiro aluno. Como dizia, uma vez de posse do poder em qualquer país que consigamos dominar, pararemos com a tática pacífica, para acelerar o processo de reestruturação social. Esse processo só pode ser adiantado para o crescimento e fortalecimento do socialismo/comunismo com a confiscação de bens propriedades, empresas, prisão, desaparecimento e morte dos principais inimigos: Marinha, Exército, Aeronáutica, polícia Civil e Federal, Bispos, Padres, Freiras, Líderes Leigos, Pastores Protestantes, Judeus, Homossexuais, Prostitutas.

- Companheira professora! Quais são os outros inimigos do estabelecimento do socialismo/comunismo a serem eliminados?

- Esses não são inimigos, mas é necessário que sejam eliminados, para a proteção e construção do nosso regime ditatorial. O que faremos com eles é um mal necessário, para o bem do futuro do socialismo/comunismo, se não fizermos botamos tudo a perder.

- Companheira professora! A senhora falou de cálculos de engenharia comunista. E dos que não são inimigos, porém devem ser eliminados. Como sabemos quem são estes e qual é o cálculo especifico da nossa engenharia social comunista?

- O calculo específico é 10%. Para fabricar uma sociedade socialista/comunista é imperativo que 10% da população do país escolhida entre os melhores intelectuais, melhores trabalhadores, melhores engenheiros, melhores famílias mais influentes, melhores alunos de faculdades e colégios, melhores atletas, maiores ateus, pequenos e grandes ladrões, e assassinos dos presídios, doentes em hospitais, pobreza em geral, sejam completamente eliminados sem piedade. Os exterminaremos, mas os veremos como heróis da causa socialista.

- Companheira professora! Quem mais deve ser sacrificado como herói do nosso regime comunista?


- Os trabalhadores pobres que usamos para chegar ao poder. Todos eles serão sacrificados em prol de nosso regime socialista, serão mártires, pois para o bem do governo, terão de morrer. Os mataremos como Stalin matou os ucranianos de fome de 1931 a 1933. Eles serviram bem aos nossos propósitos, mas agora não necessitamos mais deles, devem morrer, são inúteis ao homem novo que deve viver na nova sociedade socialista.

- Companheiro aluno! Por que somos obrigados a agir assim?

- Companheira professora, somos obrigados a agir assim porque assim exige o nosso sistema de ideologia política comunista que é ramo do socialismo. Assim exige a teologia e filosofia de nossa religião ateia sobre política e economia e a dominação sobre as vidas, que só são úteis se servirem a causa comunista.

- Companheira professora! Pode me falar mais um pouco sobre o que Stalin fez quando tomou o poder na União Soviética?

- Claro! Com prazer, pois é o que devemos fazer um dia, quando tomarmos o poder.

Josef Stalin foi secretário-geral do Partido Comunista da União Soviética e do Comitê Central Bolchevique à época da revolução. A partir de 1922 até a sua morte em 1953.

 


Depois de morte de Lenin, Stalin assumiu o poder mandando matar todos os seus camaradas do Comitê Central, e demais pessoas que o ajudaram a tomar o poder, neste caso matou os “ricos burgueses” que o ajudaram com dinheiro e seu poder de influência na sociedade a implantar as idéias comunistas, a ordem de execução era também para pessoas simples e tolas da causa revolucionária comunista, usadas somente e devido a sua ignorância a respeito dos reais objetivos do Parido Comunista. Essas pessoas foram assassinadas porque seriam ou poderiam ser um problema quando o comunismo mostrasse as suas garras. Sendo assim, Stalin mandou matar todos os tolos que o ajudaram, com 3 exceções: Lênin, Sverdlov e ele mesmo.

Depois empreendeu uma “reforma” na história do Partido Bolchevique com centenas de falsificações de documentos e fotos, das quais apagava seus opositores, para negar sua participação no assassinato deles na revolução russa de 1917.

Alguns historiadores acreditam que o número de vítimas da revolução repressiva do comunismo stalinista talvez não ultrapasse os quatro milhões; outros, acreditam que número de vítimas do comunismo sejam bem maiores. O escritor russo Vadim Erlikman, fez as seguintes estimativas:

Número de mortos

Executados: 1,5 milhão

Fome e privações (gulags): cinco milhões

Deportados: 1,7 milhão

Prisioneiros civis: um milhão

Total: aproximadamente nove milhões

Os estudos continuam e alguns pesquisadores, como Robert Conquest começam a somar provas, de cerca de vinte milhões de vítimas assassinadas pelo comunismo.

Tudo isso é a verdade, mas nós comunistas devemos negar de todas as formas. Mesmo com a história e fatos contra nós, neguemos tudo, ameacemos e processemos quem nos contradisser.

- Professora! Qual a probabilidade de acreditarem em nós?

- No Brasil??? No Brasil, são muitas. Os brasileiros esquecem a história rápido. Por isso, são muitas as nossas possibilidades. Muitas, da parte dos estúpidos. Muitas, da parte dos ignorantes. Muitas, da parte dos doutores que pensam serem sábios e inteligentes. Muitas, da parte dos falsos ou tolos religiosos. Muitas, da parte dos gananciosos. Muitas, da parte dos políticos bem intencionados, contudo bobos. Muitas, da parte dos que estamos destruindo as mentes pela TV e mídia em geral. Muitas, pela mentalidade atéia e comunista que estamos formando nos colégios e universidades. Muitas, da parte dos que amam a mentira e como nós, mentem. Esses são os mais fáceis de enganarmos, pois sendo mentirosos e mal intencionados como nós, caem em toda mentira que inventamos. Porém, cuidado!!!

- Cuidado com o que?

- Cuidado com os brasileiros que não são estúpidos, nem ignorantes, nem gananciosos. Cuidado com os autênticos e sábios doutores. Cuidado com os políticos que não são mal intencionados nem bobos. Cuidado com os Brasileiros que não amam a mentira e que como nós não mentem, gente assim não cai em nossa mentira, engano e falsidade. Cuidado com os verdadeiros religiosos.

- Professora e tem gente assim no Brasil?

- Tem, mas nosso trabalho é fazer o Brasil e os brasileiros pensarem que o Brasil não tem mais jeito, que aqui só tem desonesto, malandro, mentiroso, corrupto, ladrão, bandido, homossexual, prostituição, pedofilia, carnaval, futebol, cerveja, orgia, crimes, injustiça social.

- Professora! Qual o objetivo dessa tática?

- Fazer o brasileiro desanimar do Brasil e dos seus concidadãos, com esse sentimento de desânimo, muitos ficam apáticos, na apatia deles nós agimos. Se um dia eles acordarem desta anestesia que estamos injetando, desde de 1922, perderemos o poder e não estabeleceremos o comunismo.

- Professora como estão nossos avanços?

- Desde 1922 estamos aos poucos nos inserindo nos meio sindical, religioso e estudantil. Sendo nosso avanço frustrado pela rejeição do provo brasileiro aos princípios marxismo-leninismo. Nos reorganizamos em 1962 sob a sigla PCdoB, nosso símbolo é esse atrás de mim na parede, como todos vocês sabem. Aluno! Levante-se e descreva nosso emblema.

- Com prazer professora. A sigla PCdoB tem como símbolo a foice e um martelo cruzados, em amarelo, sobre fundo vermelho. Nosso código eleitoral é o 65.

- Muito bem aluno. O que editamos?

- Editamos o jornal A Classe Operária e a revista Princípios, além de muitas outras coisas. Aliás, vocês viram minha capa na revista? Ficou ótima!!! Acho que dá pra enganar milhões de eleitores…

- Temos algum braço estudantil e sindical?

- Sim. Nosso juvenil é a União da Juventude Socialista (UJS) e Sindical, é a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB).

- Camarada aluno! Fazemos base de sustentação de algum governo?

- Sim, companheira professora. Atualmente, fazemos base de sustentação do governo Lula, nosso maior patrocinador, apoiador, defensor, com sua ajuda nosso partido dá sustentação como também recebe do governo da Venezuela, do companheiro Chaves, do companheiro Evo Morales da Bolívia, dos companheiros Fidel e Raul Castro, de Cuba.

- Alunos! Qual nosso objetivo?

- Dar continuidade ao plano de avanço lentamente, através de quem o companheiro Lula conseguir colocar em seu lugar na presidência.

- Se o Lula não conseguir deixar seu sucessor?

- Ficarão muitos que o companheiro Lula e nosso partido PCdoB infiltrou no governo. Estão escondidos, com eles iremos rumo ao socialismo, até termos outro presidente no governo que deixará seu sucessor. Nada pode nos deter, nem Deus.

- Parabéns! Você é bom aluno.

- Tenho boa professora. A companheira professora pode me dar uma aula de como mentir para enganar o povo?

- É minha especialidade. Primeiro, aprenda a usar a inteligência maquiavélica e descarada, a simular reações, inventar palavras, florir o assunto, oferecer lógica que parece certa ao que diz de errado, assim você vai determinar que sua mentira é uma verdade. Não aceite que os outros discordem, teime sempre, negue sempre. Quando não tiver saída, diga que foi mal interpretado, que a historia é a seguinte… Não deixe falarem mais do que você, tente ser convincente em outros assuntos. Faça as pessoas entenderem que elas não estão lhe entendendo por que você tem maior inteligência ou a tese que você defende é complexa e profunda, por isso difícil de ser entendida, mas não tem nada errada com ela.

- Companheira professora! Não estou entendendo nada.

- Companheiro aluno! Você é lobo e não burro. Para mentir é só enrolar os outros. É enrolation, ninguém entende, mas se você for esperto, todos saberão que você é mentiroso, contudo é um mentiroso que quer o melhor para o Brasil. Prenda-os como puder em seu ponto de vista mentiroso, e eles cairão na armadilha. Adquira a confiança deles com sua mentira, tem gente burra demais que cai nessa.

- Companheira Professora! Qual é razão para que a mentira possa continuar sendo uma estratégia no meio político durante as eleições?

- Companheiro aluno! Uma mentira dá certo como estratégia nos períodos eleitorais, se não a compararmos com a verdade. Nós a comparamos com outras mentiras, injustiças e coisas erradas, nunca com a verdade. Lembre-se! Uma boa mentira tem sempre um pouco de verdade. Toda mentira deve ser iniciada com alguma verdade. Dê 10% de verdade que os bestas caem nos 90% de mentira.

- Companheira professora! Última pergunta minha na aula de hoje. A senhora falou de cálculos de engenharia comunista. Os 10% da população que não são inimigos, mas que devem ser mortos, logo após a morte de todos os nossos inimigos. A senhora pode me dar uma lista mais detalhada de quem iremos matar, mesmo não sendo nossos inimigos?

- Claro. Vou lhe dar uma lista ainda não completa, a completa está guardada para quando for usá-la.

DOS 10% DA CLASSE MAIS ABASTADA QUE DEVEM SER ELIMINADOS ESTÃO:

  • Os que dirigem diretamente a maquinaria capitalista do país.
  • Os que gravitam em torno desse núcleo principal.
  • Os altos funcionários do Estado.
  • Os que sobrevivem dos gastos dos quatro grupos,
  • Os trabalhadores que prestam serviços diretamente aos grupos mais ricos. Em suma, cozinheiros-chefes, pilotos e motoristas bem-qualificados, vendedores de lojas mais caras, empregadas domésticas mais qualificadas, professores doutorados de colégios e universidades particulares e de cursinhos, seguranças bem-qualificados, etc.
  • Os profissionais com ensino superior empregados em funções medianas em empresas. Composto por chefes em geral, analistas, engenheiros recém-formados, plantonistas de clínicas particulares, professores sem doutorado do colegial de colégios privados, etc.
  • Os profissionais com ensino superior, funcionários públicos em empregos bem situados. Composto por médicos do sistema público, advogados e funcionários concursados.
  • Os funcionários de escritório mais qualificados, de empresas ou do governo. Composto por diretores e supervisores de colégios e escolas públicas, bancários de postos intermediários, delegados de polícia em início de carreira, enfermeiras experientes, etc.
  • Os trabalhadores manuais de maior qualificação e os operários especializados de indústrias públicas e privadas. Composto por mecânicos, eletricistas e encanadores de competência e renome, metalúrgicos, fresadores, instrumentistas, inspetores de qualidade, torneiros mecânicos, etc.

DOS 10% DA CLASSE MAIS BAIXA QUE DEVEM SER ELIMINADOS ESTÃO:

  • Os que prestam serviços a baixos preços às classes médias. Composto por empregadas domésticas pouco qualificadas, cozinheiros pouco qualificados, garçons, vendedores de lojas baratas, cabeleireiros mal-pagos, pedreiros, etc.
  • Os trabalhadores industriais menos (ou não) qualificados. Composto por outros operadores industriais.
  • Os funcionários não-qualificados de escritórios. Composto por aqueles que prestam serviços aos que trabalham dentro dos escritórios, tais como os Office e Moto boys e faxineiros.
  • Os funcionários não-qualificados do Estado. Tais como os faxineiros, limpadores de rua, merendeiras, jardineiros de praças públicas, etc.
  • E a maior parte dos trabalhadores rurais de pequenas propriedades familiares.
Todos estes serão mortos pelo bem da causa do comunismo, somente com essas mortes, o socialismo/comunismo conseguirá reestruturar a sociedade.


About these ads

Uma resposta »

  1. Essa história(verídica) está muito esclarecedora. Gostei muito dela, os personagens se encaixaram direitinho.
    Acredita no lobo e na loba quem quer. Quem quer, por que todos estão vendo a mentira de todos os dias, estão vendo a opinião que já é bem formada mudando a toda hora tentando enganar os tolos… Então quem tiver boa vontade e inteligência vai saber o que fazer.
    Essa é sua hora, escolha o mal terrível(a loba má) ou o mal menor(o lobo mau). Dos males o menor, já dizia o sábio.

    Parabéns pelo artigo.
    Estanislau Coraggio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s